Programa Adoradores sem Limites

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010



 

7 de janeiro de 2010
Deus ama advérbios
Philip Yancey
Colossenses 3:8-17
…nós, porém, temos a mente de Cristo. —1 Coríntios 2:16
Gênesis 18–19
Mateus 6:1-18

 Os Puritanos, sabiamente, buscavam conectar tudo em suas vidas à fonte
 divina, unindo os dois mundos ao invés de dividi-los em sagrado e
 secular. Eles tinham um provérbio: "Deus ama advérbios; e não se
importa se são — bom, ou bem." Advérbios modificam os verbos — nossas
 palavras que descrevem a ação e atividade. O provérbio puritano dá a
 entender que Deus se importa mais com o espírito das nossas ações do
 que com os resultados concretos.
 
Agradar a Deus não significa que precisemos nos ocupar com um novo
 conjunto de atividades "espirituais". Como os Puritanos diziam,
 qualquer atividade humana pode se tornar uma oferta a Deus, seja
 limpando casa ou pregando sermões, ferrando cavalos ou traduzindo a
 Bíblia.

 Passamos muito tempo imersos no que é temporal. "Nós, porém, temos a
 mente de Cristo",
Paulo nos lembra (1 Coríntios 2:16). Essa verdade
 deve guiar tudo o que fazemos. Cuidar dos pais idosos. Limpar a
 bagunça das crianças. Sentar-se a varanda com um vizinho. Preencher a
 reclamação de um cliente. Preencher as fichas dos pacientes em
 enfermarias. Esperar no trânsito. Serrar toras de madeira. Prestar
 contas das gorjetas. Fazer compras.
 
Precisamos de fé, e da mente do Senhor Jesus, para reconhecer algo de
 valor duradouro, até mesmo nas tarefas mais comuns. 



Quer fazer um álbum íncrivel? Conheça o Windows Live Fotos clicando aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não serão postados comentários de cunho ofensivo, e nem de ordem pessoal, peço aos leitores que se atenham somente ao assunto postado em questão. Rodryguez

A Provação e o Jejum "Meus irmãos, tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações, sabendo que a prov...