Programa Adoradores sem Limites

sábado, 29 de janeiro de 2011

O reino de Ponta cabeça…

 

 

Samuel ibn Nagrela, foi um grande estadista e poeta judeu que viveu na Espanha há aproximadamente novecentos anos! Foi o vizir do Rei de Granada, e certo dia, quando acompanhava o rei em uma visita à cidade, foi amaldiçoado por um homem na presença do soberano. O rei ordenou a Samuel que punisse o ofensor cortando-lhe a língua perversa. O vizir judeu, no entanto, tratou gentilmente o inimigo, e a mesma língua que antes lançava maldições, agora tinha apenas bênçãos para o misericordioso vizir judeu. Algum tempo depois, o rei encontrou o infrator, e ficou surpreso ao ver que Samuel não o tinha punido. Quando pediu uma explicação, Samuel replicou: "Não apenas cortei fora sua língua maldosa, como também dei-lhe outra bondosa em seu lugar!

 

Ler um relato desse dá um nó na minha garganta, é um tapa na minha face, e forçamente tenho que oferecer a outra.

O segredo dos nossos dissabores pessoais não consiste em retrucar, e em exigir a todo o custo nosso direito- Dar a outra face, andar uma milha a mais, entregar também a tunica, é mostrar que existe uma outra alternativa que não passa pelo caminho de enfrentamento, uma alternativa de paz.

As vezes tenho a impressão que o reino de Deus é de ponta cabeça, os valores parecem em alguns aspectos invertidos quando se referem a nossa forma de tratar algumas questões. Mas percebo que fui eu quem vim de ponta cabeça, que enxergo tudo invertido e não vejo a realidade do reino de Deus.

O outeiro alto que vejo, não é, pois será derrubado, o caminho no vale lá embaixo será levantado, o rico é pobre e o pobre é rico. o mais sábio deste mundo neste reino é néscio.

Neste reino existe um caminho que nem os loucos errarão.

O fraco, pode dizer que é forte, o o forte deverá saber que é fraco, se quiser neste reino permanecer.

Loucura para uns e escandalo para outros, Em nossa loucura cremos em homem, que sendo rei e de nobre estirpe, nasceu em um curral, entre os animais,  e  que não era apenas homem, mas tambem Deus, mesmo sendo Deus morreu crucificado em uma cruz, eis o escandalo para aqueles que ignoram a realidade do Reino – Na loucura desse Reino o homem que não era apenas homem morreu e ressuscitou e na loucura, anunciamos a sua morte até que ele venha – Pois a sua morte é vida.

Quero perseguir meus inimigos mas a ordem desse reino é ama-los, quero corta umas línguas que falam mal, para  que nunca mais se pronunciem, mas o meu Rei pode queima-las com brasas vivas do Altar.

Me deparei com livro do Reino, e li que um louco, vestido de peles, comendo mel e gafanhotos dizia: “ Arrependei-vos pois vos é chegado o Reino dos céus” –, lí também que este louco era o maior dentre todos os nascidos de mulher - percebi então que tudo esta de ponta cabeça.

Tenho que rever meus valores, mudar meus conceitos, converter-me aos modos deste reino.

Sou louco para uns e escandalo para outros, pois creio em absurdos e mitologias de povos que viveram a milhares de anos atrás, caminho agora na contra mão, vejo tudo de ponta cabeça. Me dizem que vim de um primata em uma longa evolucão – Sou louco e digo quem vim do barro e do sopro divino! Digo aos sábio deste mundo que o homem  que  tambem é Deus, aquele que morrreu por mim, foi  quem fez todas as coisas, eles maneiam a cabeça e zombam de mim.

O que estaria de ponta cabeça ? O reino dos ceus ou o reino dos homens?

Um dia ainda, em algum lugar na historia o reino dos homens sucumbirá, E o Homem que não era apenas homem, mas também Deus, insituirá um reinado chamado milenio… que loucura… quer saber de coisa mais louca? O leão comerá palha com o boi, uma criança poderá brincar com uma cobra…

Venha Senhor, o teu reino.

Mesmo este reino sendo uma loucura, li que ele é tomado a força…

 

Rodryguez

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não serão postados comentários de cunho ofensivo, e nem de ordem pessoal, peço aos leitores que se atenham somente ao assunto postado em questão. Rodryguez