Programa Adoradores sem Limites

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Usos e Costumes

 

Introdução:

Um dia destes, fui convidar uma senhora para ir á igreja e ela me perguntou se lá havia Doutrina, fiquei alegre, achando que ela se referia aos ensinos da igreja e respondi que sim. Ela então me disse que não iria atender ao meu convite, pois gostava de usar calça, então lhe expliquei que não era bem assim.

Isto me fez despertar para um assunto que é bastante polêmico no meio Cristão, os usos e costumes. Resolvi escrever o que tenho aprendido sobre o tema e espero auxiliar a esclarecer muitas dúvidas que surgem nas mentes das pessoas

O ensino:

Em algumas passagens bíblicas vemos a posição do Senhor Jesus sobre alguns usos e costumes, como dos fariseus que só comiam se lavassem as mãos.(Mat. 15:1-2), também da guarda do sábado (Mar. 2:23-27) e o ato de se sentar junto á pecadores (Mat 9:11), além de muitos outros.

A posição do Senhor Jesus sempre foi contraria e não só isso, Ele ainda mostrava o lado espiritual. Voltando aos exemplos acima: De que adianta lavar as mãos antes da refeição para não contaminar o corpo, se a alma esta contaminada? Ou, de que adianta descansar o corpo um dia e não ter descanso na alma? Ou ainda, de que adianta não sentar junto á pecadores (para falar da salvação) e estar em envolvido pelo pecado?

E hoje, como se portam os cristãos? Há coisas muito parecidas com estas e que certamente não são o motivo de levar o homem ao céu. Falaremos de algumas, talvez as mais comuns de se ver por aí.

· Comidas Impuras (Carne de porco) - Na bíblia está escrito para não comermos estas comidas (DT 14:8) mas, também está escrito que Pedro havia rejeitado este tipo de alimento e Deus havia dito "Não tornes impuro aquilo que Deus santificou (AT 10:15)." O que adianta ao homem se abster de coisas impuras para a carne, se ele não se abstém de coisas impuras para a alma, como inveja, ciúme, mentira, sensualidade etc? Ter estas coisas é pior do que comer carne de porco ou de qualquer outro animal impuro.

· Bebidas, ou vinho - Jesus tomou vinho (LUC 7:34), Paulo também e ainda recomendou a Timóteo para sua saúde (I TIM 5:23). Na teoria podemos beber também, mas a Palavra também diz "E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito (EF 5:18)." O que adianta a pessoa estar alegre pelo efeito do vinho, e ter a alma triste?

· Vestes e ornamentação - "Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos (1TM 2:9)," O que adianta a pessoa estar bem vestida no exterior e no seu interior estar despido pela vergonha do pecado? E a ornamentação com brincos, pulseiras, maquiagem etc? Que adianta ficar bonito por fora, mas estar sem beleza por dentro?

Este é o teor, não adianta cuidar do material se o espiritual não foi cuidado.Mas o que fazer, o que seguir, vamos simplesmente ignorar estas coisas?

Se ignorarmos, estaremos também errando. A operação do Espírito é de dentro para fora, do interior da alma para o nosso exterior. O ensino do Senhor Jesus para com os homens é que tenham uma vida honesta, simples e sem escândalos, isto sem impor as coisas, pois como diz a palavra "Não por força, nem por violência, mas pelo meu Espírito" (Zac.4:6) e ainda"Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve." (MT 11:30).

Estas são coisas pessoais, o homem não pode interferir, é uma operação do Espírito Santo. Às vezes, algo que é bom pra um não é bom para o outro. Se eu devo ou não comer carne de porco, ou beber ou não vinho, ou ainda cortar ou não o cabelo e usar ou não determinado tipo de roupa, isso só cabe ao Espírito Santo dizer. É claro que "...se a comida escandalizar a meu irmão, não mais comerei carne, para que meu irmão não se escandalize (I Cor. 8:13)."

O Senhor Jesus nunca obrigou nem ensinou sobre estes costumes, mas a igreja que Ele deixou sempre se portou com decência e sem escândalos, isto porque o Espírito Santo tem ensinado a igreja como se portar. "Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito (JO 14:26)."

E assim caminha a igreja. Hoje em dia existem muitas denominações e não é errado que os líderes orientem como seu povo deve andar e agir, desde que eles busquem a direção do Espírito Santo e não imponham estas coisas como leis, mas sim que expliquem ás suas ovelhas sobre o porque de cada coisa, como alguns exemplos:

· Se a igreja orienta o não uso do vinho, ela deve explicar o motivo, isto é muito bom, não que a Bíblia proíba o vinho, pelo contrário, mas há um risco muito grande hoje em dia, diferente da época de Jesus, do crente se enveredar por outros tipos de bebida. Lembramos que a bebida é um tipo de droga. E aí quando se vê, o crente se corrompeu. Já, por outro lado, existem denominações que orientam um uso moderado do vinho. O que importa mesmo, como dissemos no início, é que o crente tenha uma vida cheia do Espírito Santo. Se o ato de tomar vinho vai atrapalhar esta benção em sua vida, é melhor que não beba. Por isso Paulo diz para que os Bispos não sejam dados ao vinho (I Tim. 3:3), pois isso atrapalharia seus ministérios.

· Se as irmãs só usam saia, deve-se explicar o porque. Um dos motivos é que a calça exibe mais a silhueta feminina do que a saia (depende da saia também). O mais importante é que a irmã se vista de forma decente. Na verdade, se a irmã for cheia do Espírito Santo, jamais irá se vestir de forma indecente.

· Se eu me assento em frente à televisão e não sei me controlar e assisto tudo o que se passa, é melhor nem ter televisão. Ás vezes o crente esquece de orar ou ler a palavra por causa de um bom (ou mau) programa. Isto vale também para o computador ou internet. (Eu conheci um irmão jovem, que está fazendo um tratamento, porque passava 10 á 12 horas por dia no computador). Se o caso for o oposto, se o computador ou a TV não me afeta em nada, amém, não há problema nenhum, desde que não prejudique minha vida espiritual.

· Sobre o uso de brincos e maquiagem, Paulo fez uma recomendação que não se usassem, porém em Ap. 21:2 , fala-se de uma esposa adornada (a Igreja) para seu marido (Jesus). Quer dizer, se não houver excessos, não há problemas, desde que a irmã não tenha a vaidade em seu coração e uso aquilo como um testemunho de que o povo de Deus anda bem vestido e é um povo bonito, alegre e feliz. Já, se a irmã tem uma certa inclinação para a vaidade, é melhor não usar, pois este sentimento sufoca o Espírito Santo dentro da pessoa.

Conclusão:

Há muitos outros costumes que poderíamos comentar, creio que estes sejam o suficiente, se os irmãos tiverem dúvidas sobre um ou outro uso ou costume, pode nos procurar, porque o mais importante é que não fique dúvida no coração, além do que, possamos viver uma vida cristã sem fardos pesados, mas com um jugo leve, o jugo de Jesus, sem porém se deixar levar pela liberdade da carne.

Texto extraído http://mensagemdacruz.vila.bol.com.br/

3 comentários:

  1. PAZ E GRAÇA.LENDO ESTA POSTAGEM PODEMOS OBSERVAR,QUANTOS DE NÓS ESTAMOS PRESOS A ESTES TIPOS DOUTRINAS E NÃO PERMITIMOS AS VEZES QUE ESPIRITO SANTO TRABALHAR EM NOSSAS VIDAS,PURIFICANDO E LIBERTANDO,DO QUE REALMENTE NOS FAZ ESCRAVOS ( O PECADO).O PROBLEMA É QUE ,NOS É ENSINADO ,IMPONDO AS SITUAÇÕES E NÃO HÁ UM ECLARECIMENTO O PORQ? NÃO FAZER, NÃO USAR...AJUDOU-ME BASTANTE EM ALGUMAS DÚVIDAS...DEUS ABENÇOA GRANDEMENTE! GÊ -JEANE

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente o povo não consegue entender o que é doutrina e costume.A doutrina traz vida,pois ensina todas as virtudes e vontades de Deus.Já o costume só destrói,uma vez que ela não é inspirada por Deus,fazendo com que as faccões surjam,junto com o desânimo na fé.Eu comparo essas pessoas que ensinam apenas usos e costumes com os fariseus.E tem mais,pra mim essas pessoas estão dizendo,ainda que de uma forma calada,que o sangue de Jesus no calvário não foi o suficiente.A partir do momento que colocamos um "jeitinho" para obtermos a salvação,usando os costumes,estamos declarando em aberto que o plano de redenção foi superficial.Leiam Colossenses 2.20-23.Fiquem com Deus!Dá-lhe didaque neles!!!

    ResponderExcluir
  3. ótimo texto, irmão, parabéns! bastante esclarecedor.

    ResponderExcluir

Não serão postados comentários de cunho ofensivo, e nem de ordem pessoal, peço aos leitores que se atenham somente ao assunto postado em questão. Rodryguez

A Provação e o Jejum "Meus irmãos, tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações, sabendo que a prov...