Programa Adoradores sem Limites

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Cristãos

Foi na cidade de Antioquia da Síria, ( Atos 11:26)que os seguidores de Cristo, passaram a ser denominados Cristãos, antes conhecidos como seita dos Nazarenos, ou ainda os do Caminho.

O vocábulo Cristão, do grego christianoi, significa tão somente seguidores de Cristo. Ou imitadores na sua forma de agir, pensar e comporta-se. Lendo algumas paginas  do livro de Atos de Apóstolos e outras das Escrituras Paulinas, logo vamos percebendo que os Cristão foram deixando de ser uma seita marginal ao Judaísmo e logo foi tomando uma identidade própria, como usos e costumes específicos.

Logo o nome Cristão, não estava ligado a filiação institucional com a Igreja, mas antes de tudo a um estilo de vida baseado no modelo de Cristo em todos os seus sentidos, assim a Igreja era a reunião dos Cristãos, lugar onde os seguidores de Cristo se reuniam para celebrar em comunhão as verdades do evangelho e também comungar da ceia. Mas a Filiação a Igreja como instituição na fazia Cristãos, alguns historiadores dizem que ainda no primeiro século  nas cerimonias do AGAPE, conta-se que após a celebração do culto publico comum, os diáconos ficavam nas portas se despedindo as pessoas que apenas eram simpatizantes como o Cristianismo, com a frase “Ite, missa est” ou seja vocês podem ir agora é a despedida. Feito isso os diáconos fechavam as portas e os verdadeiros Cristãos já antes para estes fim avisados iriam celebrar a ceia do Senhor. ( Igreja Latina)

Tão conceito é de muito valor, pois a Igreja sabia que as coisas espirituais são para os espirituais para os que estão verdadeiramente comprometidos com Cristo e seus ensinos.

O estilo de vida dos Cristãos era além das portas dos lugares de reunião, seu modo de vida de alguma forma foi influenciando as sociedades onde eles se fizeram presentes, embora perseguidos eram de padrão digno de nota, de elevados conceitos morais e práticos no seu viver diário. Eram pessoas transformadas que se empenham em tudo a seguir a Cristo.

Os primeiros Cristãos sabiam, que seguir a Cristo envolveria risco de vida e perseguição e mesmo assim o seguiam, uma fé inabalável na proposta de vida do evangelho de Jesus Cristo!

Estamos a dois mil anos na historia da Igreja, e creio que é o momento oportuno para  refletirmos sobre o verdadeiro significado da palavra Cristão. è possível ser batista, assemblei ano, metodista, católico, ortodoxo sem ser Cristão! Damos mais valor a identidade religiosa e denominacional do que ao fundamento dos Apóstolos que é o próprio Cristo! É preciso lembrar e ter em mente de que para Deus não importa nossa agremiação religiosa, a suntuosidade de nossos templos, nem nosso orgulho religioso. O que realmente importa é se somos imitadores de Cristo, se de fato somos Cristãos.

Um dia em algum momento da história um novo Ite, missa est. será ouvido e somente a verdadeira Igreja de Cristo com verdadeiros cristão estarão reunidos.

Pense nisso.

 

Rodryguez&Carvalho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não serão postados comentários de cunho ofensivo, e nem de ordem pessoal, peço aos leitores que se atenham somente ao assunto postado em questão. Rodryguez

A Provação e o Jejum "Meus irmãos, tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações, sabendo que a prov...