Programa Adoradores sem Limites

domingo, 17 de julho de 2011

ENTENDES O QUE LÊS?





"E tu, Timóteo, que desde a tua meninice sabes as sagradas letras,
conscientiza-te que elas podem fazer-te sábio para a salvação
pela fé que há em Cristo Jesus,
pois são proveitosas para ensinar, para redarguir, para corrigir e para instruir em justiça
de maneira que todo o homem de Deus
seja perfeito e perfeitamente instruído para toda a boa obra"
(II Timóteo 3:15-17)


Inteligência, é a  capacidade que somente nós humanos temos de ler a si mesmos, de ler aquilo que está dentro de nós, daquilo que nos foi ensinado,  de aprender, e com o nosso aprendizado, ir tomado as decisões em nossas vidas.
Muito embora haja em nosso meio aqueles que acham que o conhecimento de nada vale, a bíblia está cheia de alusões à sabedoria  e ao conhecimento, tanto que dedicou os provérbios e o eclesiastes como livros sapiêncais ( DE SABEDORIA),  ainda na torah encontramos alusões  ao ato de ensinar de repassar aos filhos o conhecimento das escrituras, com minuncias e tradições didáticas.
Algum tempo atrás, ouvi de uma pessoa uma objeção quanto ao conhecimento dizendo que o importante era fazer apenas como Cristo e amar o próximo. Claro que isso é importante, mas só sabemos disso porque isso está escrito,  e nos foi de alguma forma ensinado. No demais seguir a Cristo e amá-lo significa fazer a sua vontade e para fazer a sua vontade, o único manual que dispomos não é nossa consciência e sim as Escrituras sagradas na sua totalidade.
A maior orientação que podemos receber do Espírito Santo, é justamente em persistir em ler, ouvir  e entender as Sagradas Escrituras, para que Ele, quando o aprouver nos faça lembrar daquilo que ali está escrito, ou daquilo que ouvimos de alguém.
Não sei quem espalhou o joio da falta de conhecimento entre muitos cristãos, que radicalizando suas posições colocam seus sentimentos e suas falsas impressões do Espírito Santo, acima do padrão aquilatador das escrituras sagradas.
Alguém pode dizer:  “ A letra mata” – então eu pergunto qual letra ? o conhecimento ? é claro que não! Paulo se referia ao ministério das Letras de Pedras, da Lei de Moises, com suas maldições e advertências para que não cumprisse os mandamentos. Enfim estava falando da relação lei e graça e não do conhecimento em si.
Como o  Eunuco de Candace, muitos não conseguem entender aquilo que estão lendo, e precisando de um Felipe, conhecedor das  escrituras do velho testamento e conhecedor também da revelação da Graça Divina em Cristo Jesus. Assim Felipe procedeu  ensinando e batizando o Eunuco que  voltou alegre para sua terra, se a tradição estiver certa foi ali um continuador das verdades que ouviu ensinando a muitos.
Na distribuição dos dons espirituais o Espírito Santo em sua Soberania tem escolhido uns para doutores e mestres,  que possamos nos deleitar uns com os outros no exercício dos dons e que não nos faltem os mestres em nossos dias, pois não havendo profecia o povo se corrompe. E você entendes o que lês?

Rodryguez & Carvalho.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não serão postados comentários de cunho ofensivo, e nem de ordem pessoal, peço aos leitores que se atenham somente ao assunto postado em questão. Rodryguez

A Provação e o Jejum "Meus irmãos, tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações, sabendo que a prov...