sábado, 1 de janeiro de 2011

Palavra Profética para 2011

Isaias 58.11

“O Senhor de guardará continuamente, fartará a tua alma até em lugares áridos e fortificará os teus ossos; serás como um jardim regado e como um manancial cujas águas jamais faltam”

Introdução :

O versículo de Isaias 58.11, foi nos dado como Palavra Profética para o este ano de 2011. Eu em particular quando recebi essa palavra do Pastor Alceu no dia 19/12/2010, comecei a meditar com seriedade qual seria o significado disso em minha vida em particular e coletivamente na vida da Igreja. O que segue é fruto das minhas reflexões sobre o verso por período de uma semana com mais ênfase no dia 31/12/2010 onde fiz uma reflexão creio que um pouco mais aprofundada do assunto.

Profeta e Profético.

A palavra profeta no hebraico (nabhi/ navhi) é um substantivo que admite quatro origens, a saber: naba (borbulhar, ferver), nabaa (anunciar), nabu (chamada, chamar) e uma origem semítica indeterminada que significa mensageiro, porta-voz. A palavra profeta aparece diversas vezes na Bíblia Sagrada, ser profeta para os hebreus era ser chamado por Deus para anunciar o que iria acontecer.

Em Grego o termo é “profetes”, que significa aquele que fala pelos deuses, no uso bíblico aquele que fala por Deus.

O Profeta é alguém que pode borbulhar ferver, dado ao “fogo” de sua mensagem este borbulhar transmite a idéia de que o profeta é como um caldeirão fervendo, que precisa anunciar (nabaa) as verdades de Deus e como isso chamar (nabu) a atenção dos homens para sua mensagem. Mas é somente o que anuncia as coisas futuras que estãos nos desígnios de Deus é também o que faz aos homens conhecer a vontade de Deus “profetes”.

Atos Proféticos

Ora, se profecia é uma predição de um acontecimento futuro, logo, ato profético é uma ação que prediz um acontecimento futuro, sendo que ao invés de ser usado as palavras como meio, é por sua vez usadas algumas ações. Eu diria que o ato profético, e a materialização das palavras e lendo a bíblia podemos ver que Deus realmente usa os atos proféticos para avisar sobre um futuro acontecimento.

Exemplos:

Isaías 20:2. assim falou o SENHOR por meio de Isaías, filho de Amós: “Vai! Tira a roupa do corpo e o calçado dos pés!” Assim fez Isaías, que passou a andar nu e descalço.

3. Depois o SENHOR disse: “Como Isaías, meu servo, andou nu e descalço por três anos, sinal e presságio contra o Egito, a Etiópia,

4. da mesma forma o rei da Assíria levará os cativos do Egito, os exilados da Etiópia, jovens ou velhos, todos nus e descalços, com as nádegas de fora, vergonha para o Egito.

Atos 21:10 Demorando-nos ali por muitos dias, desceu da Judéia um profeta, de nome Ágabo;

11. e vindo ter conosco, tomou a cinta de Paulo e, ligando os seus próprios pés e mãos, disse: Isto diz o Espírito Santo: Assim os judeus ligarão em Jerusalém o homem a quem pertence esta cinta, e o entregarão nas mãos dos gentios.

A bíblia esta cheia de atos semelhantes e de expressões através de ações, mas fiquemos com estes dois exemplos por enquanto.

Creio que podemos definir quer:

Deus em relação aos Homens:

1. Atos proféticos são profecias em forma de ação.

2. O Ato Profético é feito por causa do acontecimento futuro, não o acontecimento por causa do ato.

Aqui fica um ponto de equilíbrio, o Ato profético sempre será um comando de Deus para nossas vidas, que a partir deles nos revelarão os acontecimentos futuros, porque a profecia não pode de forma alguma se produzida pela vontade humana, ela só é possível por inspiração do Espírito Santo.

Os Homens em relação a Deus.

1. Quando o homem entende uma vontade de Deus e a expressa através de palavras ou ações ( Ato profético) esse ato profético passa a ser um oração em forma de uma ação. (Exemplo Jacó riscando as varas e colocando-as na frente do rebanho)

Logo os atos proféticos não são formas de se controlar ou se impor condições a Deus ou ao mundo espiritual, aqui fica diferença entre as ações proféticas e as ações de feitiçaria, o feiticeiro tem a presunção de controlar as ações da natureza e dos espíritos através de atos e oferendas e palavras místicas . O ato profético é o anuncio, a proclamação de uma vontade de Deus em forma de ações no mundo físico em vivemos.

Porque nunca jamais qualquer profecia foi dada por vontade humana; entretanto homens santos falaram da parte de Deus, movidos pelo Espírito Santo. II Pedro 1.21

Palavra Profética

Existem certas momentos na vida Cristã em que recebemos porções das escrituras que nos corrigem e nos animam de forma especial, mostrando a direção e indicando o caminho a ser seguido. Foi dando atenção especial a Romanos 1.17 ( O justo viverá pela fé) que Martinho Lutero sofreu uma tremenda reviravolta em sua vida levando- o a agir de acordo com a palavra profética, fazendo atos proféticos como queimar a bula papal em praça publica e também a afixar as 95 teses em Wittemberg, que acabou explodindo a reforma protestante em 31 de outubro de 1517. A biografia de Agostinho antes um herege maniqueísta, diz que ele ouvi uma voz dizendo tolle e lege ( toma e Le), e abriu por acaso a Bíblia nas cartas Paulinas do livro de Romanos e foi percebendo as trevas sendo dissipadas, não tenho dúvidas de que ele recebeu uma palavra profética que influenciou a sua vida inteira sendo até hoje considerado um dos maiores pensadores cristãos tanto por católicos, evangélicos ou ortodoxos. Para não ficar em exemplos não bíblicos temos a biografia bíblica do Rei Josias ( Ler II Cronicas 34.14:33) Um exemplar da Torah ( Livros de Moises ) foram achados e foram lidos perante o Rei Josias e este imediatamente rasgou as suas vestes, se humilhou perante Deus e promoveu um verdadeiro avivamento em Judá e Jerusalém, Também não tenho duvidas de que Josias recebeu a escrituras não como um texto simples mas como Palavra Profética.

Deus ainda nos leva a ver porções especiais das escrituras e a partir de delas promover transformações em nossas vidas.

Temos, assim, tanto mais confirmada a palavra profética, e fazeis bem em atende-la, como a uma candeia que brilha em lugar tenebroso, até que clareei e a estrela da alva nasça em vosso coração. II Pedro 1.19

Palavra Profética para a Igreja Internacional da Família Cristã parta o ano de 2011

Com este vasto pano de fundo em mente, vou agora de dedicar a Palavra Profética que recebemos e que será nossa bussola no ano de 2011. A palavra se encontra no livro do profeta Isaias cap 58.11 e diz:

“O Senhor de guardará continuamente, fartará a tua alma até em lugares áridos e fortificará os teus ossos; serás como um jardim regado e como um manancial cujas águas jamais faltam”

Sempre é importante no estudo das escrituras estarmos atentos ao contexto imediato em que os textos foram escritos, após isso feito poderemos então aplicar de forma mais sábia o texto a nossa vida e realidade. Uma coisa porém que admiro na palavra de Deus é a sua atualidade, quando leio ignoro por vezes que ela foi escrita de forma imediata para uma nação ou povos que viveram há pelo menos 2000 anos antes de nós chegando a cobrir um período de 4000 a 5000 anos antes da nossa era. Porém o homem continua com as mesmas necessidades espirituais e Deus continua sendo o mesmo, daí a atualidade de sua Palavra.

No contexto do texto bíblico de Isaias 58.11 teve algumas coisas que me chamaram a atenção e que vi paridade com os nossos dias.

Em primeira lugar no começo do capitulo no verso 3, os judeus estavam reclamando a Deus que suas grandes ações de Jejuns não surtiam efeito. Existe duas datas e datas bíblicas em que os Judeus faziam seus Jejuns de forma especial um é o chamado Rosh Hashaná, ( cabeça do ano) que é as festividades do ano novo judaico, ( Levitico 23.24) outra festividade que ocorre 10 dias após é Yom Kippur ( dia do perdão / dia da expiação ) conforme Levitico 23.26:32 – era dias de Jejuns e consagrações especiais e de acordo com crença estes dias determinariam como seria os demais dia do ano, por isso era importantes esses dias na presença de Deus.

Iniciamos assim Isaias 58 com uma indagação Judeus com relação a validade de seus atos proféticos, festividades e consagrações para o ANO NOVO. Por uma clara orientação do Espírito Santo, esta mesma palavra agora nos é dada e nossa atenção é voltada a ela, também em um momento de ano novo, o que eu não acredito ser apenas coincidência. As mesmas respostas e advertências dadas a Israel nos foram dadas em momentos similares da nossa vida. Como também não é por acaso que fomos nós enxertados na Oliveira ( Israel ) e agora somos participantes de sua Seiva ( A Palavra do Deus Eterno) conforme Romanos 11:17-36

Neste Ano Novo, vamos viver Isaias 58.11 e todo o contexto do capitulo, fico pensando como os fieis do antigo Israel devem ter se alegrado sabendo que Deus apesar das advertências estava prometendo:

2. Sucesso nos empreendimentos ( verso 8)

3. Cura para todo tipo de enfermidade (verso 8)

4. Respostas imediatas ás orações ( verso 9)

5. Orientação e proteção em meio as adversidade ( verso 11)

6. Cura para alma ( teus ossos na linguagem bíblica se refere a dor do pecado na alma que se materializa no corpo físico ) também no verso 11

7. Restauração de tudo o que foi perdido e de tudo o que esta em ruínas ( Verso 12)

8. Prazer e deleite nas benção de Deus ( verso 14)

Conclusão:

Não foi como disse obra do acaso e sim do Espírito Santo, que nos guia e nos conduz na verdade, quero viver intensamente essa benção na minha vida este ano, sabendo que o Senhor fará grandes coisas em nosso meio. Já posso ouvir os gritos de jubilo vindos do arraial do Senhor...

Não havendo profecia, o povo se corrompe; mas o que guarda a lei, esse é feliz. Prov. 29:18.

Rodryguez, 1º /Janeiro /2011

Nenhum comentário:

Questões Loucas!

"Não ir alem do que está escrito" I Corintios 4.6... De uns tempos para cá tenho notado nas pregações dos púlpitos...