sábado, 7 de abril de 2012

Jogar com a verdade

Estes no meu trabalho diante de um embaraço profissional com nosso cliente, ouvi a seguinte afirmação: “Devemos jogar com a verdade!” alias essa sentença já ouvi muitas vezes, em diversas ocasiões em frentes a situações embaraçosas. Semelhante a essa frase é outra que afirma: “Quem fala a verdade não merece castigo!”

O ser humano inventou um modo de manipular, jogar para que  a verdade possa lhe trazer benefícios próprios, possa servir para dar a falsa impressão de responsabilidade e humildade. Primeiro vem a mentira, o engodo, mas quando o jogo está mudando, entra em cena a “verdade”.

Tal verdade, não é verdade, mas parte de um plano engenhoso que principia em um fato verdadeiro, com o proposito de ir até o engano, enfim um sofisma.

Como cristão, herdeiro de boa parte do pensamento hebraico, gostaria de recorrer a este idioma,  como principio para entendermos o tipo de VERDADE que deve nortear as nossas vidas. – Verdade em hebraico  é emunah, que pode ser traduzido por confiança, fidelidade, e diz respeito a palavra e a intenção que não pode ser mudada, sendo aplicada tanto a Deus como aos homens, é a palavra do pacto, deste modo ter fé, é simplesmente acreditar que Deus cumprirá o que prometeu, pois é fiel, digno de confiança. A palavra de Deus nos convida, a seguirmos o exemplo de Cristo, até porque a vida Cristã so pode ser considerada, genuinamente cristã, se seguirmos em tudo o exemplo de Cristo e Cristo é a VERDADE.

A verdade, não entra no jogo, até porque não se joga com ela. a verdade aponta não apenas para uma necessidade iminente como no exemplo que citei dos meus colegas de trabalhos, a verdade aponta para o futuro, se foi tratado assim, assim será feito!

Seria interessante se em todos os nossos relacionamentos essa verdade estiver presente, se o sim, dado no começo, for realmente o reflexo do sim que está dentro do nosso coração, for a expressão do que, de  fato queremos, de semelhante forma o não, mesmo sabendo que  como humanos estamos sujeitos a fabilidade em nossos projetos e nem tudo sai como planejamos, porém se no começo de nossos acordos, planos e projetos o nosso sim ou não for aquilo que de fato queremos ao invés de apenas um argumento para “ganhar tempo”, estamos no caminho certo para cumprirmos aquilo que falamos.

 

Enfim não pode jogar com a verdade, pelo contrario o convite de Deus para nós é que vivamos a VERDADE.

Ops… esqueci de dizer quem é pai da mentira… mas acho que todos já sabemos…

Rodriguez&Carvalho

3 comentários:

Anônimo disse...

Dentre os mais dignos predicados de um homem está o de saber dizer a verdade."
(Renato Kehl)
"A menos que seu coração, sua alma, e todo seu ser estejam atrás de toda decisão que você toma, as palavras de sua boca estarão vazias, e cada ação será sem sentido. Verdade e confiança são as raízes de felicidade." (Autor desconhecido)
"Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará."
Ótima reflexão sobre nosso dia a dia, não importa em qual situação estivermos, a melhor opção é falara verdade. Jeane

Erlon Andrade disse...

Hoje em dia como está explanado no texto, as pessoas usam a "verdade", para expor suas "verdades".
A bíblia como manual da verdade é usada como a "verdade" para que pessoas inescrupulosas tirem proveito. Outros querem que vivamos a "verdade" segundo suas "verdades". E assím aquilo que é realmente a verdade suprema passa a se tornar uma mentira diante de tantas falsas "verdades".

Luis Augusto disse...

Paz do Senhor! Parabéns pelo blog Estamos seguindo o seu blog, gostaria de convidar vc para conhecer o nosso esse é meu link: http://jesusminharocha.blogspot.com

Paz do Senhor um abraço amado.

Chega!

São dois mil anos de história da Igreja, uma historia que começou por volta do ano 33, uma historia gloriosa, de lutas, perseguições, da...